Patrícia, Adriana, e Barosa fazem as honras da casa nos nacionais de Verão

As Campeãs Nacionais Patrícia Batista e Adriana Rebelo com o treinador José Canhola.

O Campeão Nacional Pedro Moreira (Barosa) no pódio.

Nuns campeonatos nacionais de velocidade cuja distância regulamentar são 2000 metros, anunciados no ante programa por razões de segurança com 1500, razões de segurança que não conseguimos descortinar, e que acabaram com 1290, dizem bem como vai o nosso pobre remo.

Melres uma praia fluvial bastante agradável, situada na margem direita do Douro, foi mais uma vez palco dos nacionais de Juniores e Seniores que se realizaram neste fim-de-semana.

Alguém nos segredou que a quantidade de motas de água que invadiram a pista já andavam a treinar para nos próximos nacionais colaborarem com os árbitros fazendo a separação das tripulações em prova. Aqui já começamos a vislumbrar as preocupações de segurança invocadas no citado ante programa.

Passando concretamente à participação do Ginásio Litocar, a mesma teve dois momentos bem distintos: o de sábado com a vitória do oito júnior a fugir-nos em cima da meta para uma tripulação mais experiente – o Ginásio apresentou dois Juniores do 2º ano e o vencedor seis – e a pagar a factura da fuga de competidores em provas anteriores; no de domingo com o Double-scull feminino tripulado por Patrícia Batista e Adriana Rebelo e o Pedro Moreira em Skiff a sagrarem-se campeões nacionais e o Ricardo Carraco com o Joel Silva em doube-scull júnior masculino vice-campeões nacionais estes numa das provas mais turbulentas que pudemos assistir. No remo de mar há provas com muito menos ondas.

Ainda no sábado o quadri-scull júnior masculino, o quatro mais júnior masculino e o doube-scull ligeiro masculino foram ao pódio. No cômputo geral pode-se afirmar que a equipa júnior do Ginásio Litocar apesar de formada maioritariamente por atletas do 1º ano se alcandorou ao honroso 2º lugar nacional o que permite encarar o futuro com optimismo.

Numa hipotética classificação nacional por categorias, coisa que até já existiu no remo nacional, a mesma ficaria assim ordenada: 1º Sport Clube do Porto – 209 pontos; 2º Ginásio Litocar – 194; 3º Clube Naval Infante D. Henrique – 193; 4º Real Clube Fluvial Portuense – 184; 5º Arco – 122.

Fotos

Anúncios

0 Responses to “Patrícia, Adriana, e Barosa fazem as honras da casa nos nacionais de Verão”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s





A remar desde 1896

Edição

Gabinete de Comunicação e Imagem GCF

Coordenação

Artur Pereira
Miguel Campos

Calendário 2015/2016

Remo nas férias

Escola permanente de remo

Arquivos

Patrocinadores










Anúncios